Patrícia

Patrícia

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Mariana Reis
















































fotos: Álbum de Casamento

Casamento é uma instituição moderníssima.
Hoje, nada mais obriga duas pessoas a estarem juntas, a não ser o amor.

Vagner Moura

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Amar com coragem, só isso.





Uma mulher não perdoa uma única coisa no homem: que ele não ame com coragem. Pode ter os maiores defeitos, atrasar-se para os compromissos, jogar futebol no sábado com os amigos, soltar gargalhada de hiena, pentear-se com franjinha, ter pêlos nas costas e no pescoço, usar palito de dente, trocar os talheres de um momento para outro. Qualquer coisa é admitida, menos que não ame com coragem.
Amar com coragem não é viver com coragem. É bem mais do que estar aí. Amar com coragem não é questão de estilo, de gosto, de opinião. Não se adquire com a família, surge de uma decisão solitária. Amar com coragem é caráter. Vem de uma obstinação que supera a lealdade. Vem de uma incompetência de ser diferente. Amar para valer, para dar torcicolo. Não encontrar uma desculpa ou um pretexto para se adaptar, para fugir, para não nadar até o começo do corpo. Não usar atenuantes como “estou confuso”. Não se diminuir com a insegurança, mas se aumentar com a insegurança. Não se retrair perante os pais. Não desmarcar um amor pela amizade. Não esquecer de comentar pelo receio de ser incompreendido. Não esquecer de repetir pela ânsia da claridade. Amar como se não houvesse tempo de amar. Amar esquisito, de lado, ainda amar. Amar atrasado, com a respiração antecipando o beijo. Amar com fúria, com o recalque de não ter sido assim antes. Amar decidido, obcecado, como quem troca de identidade e parte a um longo exílio. Amar como quem volta de um longo exílio.
(…) Amar com coragem, só isso.

Fabrício Carpinejar

Para Elisa....




Não se vá!
Eu já não posso suportar
Esta minha vida de amargura
Não se vá!
Estou partindo porque sei
Que você já não mais me ama...

Não se vá! Não se vá! Não se vá! Não se vá!Não se vá! Não se vá!............
Imagine a cena mais cafona do mundo!......
Uma noiva maravilhosa,chic,delicada e Mafê e toda sua patota cantando para Elisa : Não se vá! Não se vá! Não se vá! Não se vá!Não se vá! Não se vá!............ foi uma cena hilária!!!!!
Tem tanta coisa boa para fala da Elisa e do seu dia!
Vou falar de duas pessoinhas que moram no meu coração e claro de toda equipe Gui e Geraldo, uma sinergia incrível, e o resultado são fotos incríveis com esse ar apaixonado!
Assim que saiu as fotos Elisa me ligou e disse : Mafêeeeeeeeeeeeeeeeeee, vc tá vendo????????
E é uma delicia relembrar cada momento.....
Eu disse, Elisa quando eu casar eu quero minha festa igual a sua, vc me ajuda?
Ela morreu de rir.....
Mas no meus sonhos  gostaria de uma festa como a da Elisa! (para conferir http://networkedblogs.com/qPu9K)
Achou que minhas noivas nunca se vão ....elas sempre ficam guardadas na minha memória no meu coração!
Beijos
Mafê